Usando o aplicativo Clear como mestre

PDF pagePrint page

O post de hoje é uma dica para os donos de iPhone que buscam organizar melhor seu dia-a-dia entre trabalho e compromissos pessoais.

Quarta-feira foi lançado o aplicativo Clear que vinha gerando uma certa expectativa entre os mais antenados. Com o slogan “A vida é uma bagunça. Simplifique com o Clear”, o app prometia ajudar as pessoas a organizarem suas vidas de maneira extremamente prática, rápida e até divertida. A expectativa se concretizou e milhares de pessoas compraram o aplicativo que rapidamente se tornou o mais vendido da iTunes Store. Uma tarefa nada fácil no meio de tantos jogos, messengers e editores de imagem/vídeo.

O iPhone/iPad já vem com ótimos aplicativos que ajudam a produtividade, se bem utilizados. Notas, Calendário e o novo Lembretes (os dois últimos um tanto parecidos). O Clear é igual a eles, mas diferente. Também serve para lembrar, mas não de compromissos e sim de coisas a fazer e, como descobri, coisas para pensar.

É possível criar várias listas e dentro delas elencar itens por ordem de importância. O foco do aplicativo é a praticidade, então cada comando é muito rápido e não há muitas configurações ou opções. Por exemplo, para apagar um item basta arrastar pro lado (e não ir deletando letra por letra). Mas não quero ficar explicando como funciona, e sim mostrar como ele pode lhe ajudar nos dois campos da vida: pessoal e profissional.

Defini 2 tipos de finalidade: para pensar e para fazer. Os quais organizo conforme a imagem abaixo.

A primeira tela eu organizo por urgência — precisam ser feitas primeiro; a segunda (detalhamento do item “leitura”) por importância — os melhores, mais interessantes ou que possuem prazo.

Coisas para pensar

São ideias. Opções que você possui para concluir uma certa tarefa como: fazer um recrutamento ou escrever um artigo. Você vai jogando ideias, definindo as mais importantes, até a hora de ter que decidir. Conforme vai analisando, vai excluindo. Mais fácil do que riscar uma folha de papel.

  • Quais foram as melhores ideias do brainstorming?
  • Teve um insight no meio da rua que pode render algo bom?
  • Quais as opções para a nova campanha?
  • Assuntos que dariam bons artigos/matérias?
  • Candidatos para a vaga em aberto?

Coisas para fazer

São tarefas. Coisas mais rotineiras que você precisa fazer, mas que não possuem grande urgência. Você lista e conforme for realizando, vai apagando.

  • Livros e artigos para ler.
  • Compras para casa.
  • Fazer antes da viagem.
  • Próximos projetos.
  • Pessoas para ligar.
  • Evento “X” (check-in de produção)

Os exemplos são inúmeros, mas gostaria de ressaltar que essas são sugestões minhas que eu acredito que possam ser aplicadas a qualquer pessoa, mas sabemos que as pessoas são diferentes. Então, veja como um ponto-de-partida para encontrar o melhor uso para você. E não esqueça de compartilhar com a gente.