Dicionário da Besteira Corporativa

PDF pagePrint page

Descobri recentemente O  Se a sua empresa não é uma das melhores empresas para se trabalhar (e até que seja), você precisa do Dicionário de Besteiras Corporativas (The Dictionary of Corporate Bullshit).

Ataques de choro no banheiro, a absurda sensação de injustiça, a desvalorização do seu trabalho, frustração, a vontade de arrancar o pescoço de alguém são mais comuns do que você imagina. Saiba que você não está sozinho nessa.

No mundo dos negócios, se você não utiliza termos técnicos e expressões de falsa camaradagem, você está perdido. A receita do sucesso é agir não da sua maneira, mas da maneira que seu chefe e seus clientes querem. Este livro diz tudo que você precisa saber pra ser adorado pelos chefes, e mais do que isso, ser bem sucedido na sua carreira, falando bonito ou vazio, como queiram chamar. Uma vez eu ouvi um executivo de uma grande agência dizendo que ninguém chega aonde ele chegou sem mentir. Mas o dicionário não incentiva a mentira, apenas uma encenação. Ora, a TV e o cinema vive à base disso, por que não podemos também?

Pessoas deixaram de se comunicar. Elas deixaram de conversar como pessoas normais. Expressões como “até o final do dia”, “me mantenha informado”, “urgente”, “comprometimento” e “inovador”  perderam seu sentido.

O autor comenta que quando era jovem, era tão otimista, ambicioso e tudo que queria era trabalhar duro e bem, achar o seu lugar no mercado de trabalho. Foi uma surra atrás da outra, a tentativa de tentar achar sentido em ações sem sentido foram em vão. “Se eu apenas soubesse, na época, o que eu sei agora…”, lamenta. Sua receita: esqueça os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes, gaste mais tempo puxando saco, rindo sarcásticamente, cortando o seu cabelo e jogando golfe.

O livro ensina a linguagem corporativa como elas realmente são, nua e crua. Abaixo algumas definições:

Isso não é um problema; 1. a negação da existência de desagradável situação 2. “quem foi que disse que isso era um problema?, como a palavra problema entrou nessa discussão?”

Me mantenha informado; 1. pedido individual sobre o andamento de um problema ou projeto; 2. o que significa: “Eu vou esquecer esse assunto até que você volte a mencioná-lo, então por favor, mencione”. 3. “Eu não confio em você pra tomar conta disso sozinho, então não esqueça de me dizer tudo que está fazendo”, “Eu não quero pensar nisso, apenas me informe se acontecer alguma merda.”

Almoço; 1. refeição do meio dia; 2. O periodo permitido pela empresa para se deixar o escritório em nome da comida, mas que frequentemente você não usufrui. 3. Há vários motivos por trás de um almoço, se alguém lhe convida, pode ser para: a) esperançosamente te pedir um trabalho; b) esperançosamente pedir que você fale dele para o seu chefe; c) criar uma aliança para ferrar alguém no trabalho.

Chefe; 1. Superior; 2. Uma pessoa que muda tudo, distorce os fatos, etc., que tem autoridade e a habilidade de te controlar, falar o que fazer e te fazer sentir uma merda, simplesmente porque foi ele quem o contratou  — e não porque ele é mais esperto ou pode fazer melhor, de fato, ele provavelmente o contratou para você poder fazer o trabalho dele.

Obrigado; 1. Expressão de gratidão; 2. Dito pelos superiores quando eles estão dando uma ordem, não exatamente uma expressão de apreciação ou de agradecimento, mas uma forma de pontuar, demandar e por fim a uma discussão que na verdade nunca foi uma discussão; 3. Um tapa em forma de cordialidade, ex: “se você for ficar fora da sua mesa mais de 15 minutos, você precisa me dizer, obrigado”; “aquele relatório precisa estar completo até segunda. Obrigado”.